O que é Diagnóstico Organizacional? As rápidas transformações por que vêm passando as organizações na atualidade, somadas a crescente competitividade dos mercados, além de clientes cada vez mais exigentes, faz com que as empresas necessitam encontrar mecanismos de otimização de seus processos operacionais de trabalho de modo a reduzir custos e maximizar seus lucros.

Portanto, a decisão de realizar um trabalho de diagnóstico organizacional ocorre normalmente, quando já se está envolto por um emaranhado de problemas. Algumas situações que acontecem no dia a dia das organizações denotam a necessidade da realização desse trabalho específico, como por exemplo, a estruturação de práticas diferenciadas de gestão que alavanquem resultados através das pessoas, clima organizacional insatisfatório, dificuldade de comunicação, dificuldade de alinhamento das estratégias organizacionais, dentre outras. São raras as vezes que esse trabalho emerge como estratégia no âmbito de um plano de trabalho, a fim de se detectar rapidamente eventuais transtornos existentes e resolvê-los rapidamente.

Mas o que é um diagnóstico organizacional? Nesse artigo nós exemplificamos sua importância, porém é importante compreender corretamente o que é. Trata-se de um instrumento que visa averiguar como a empresa poderá adequar os seus processos de negócio às necessidades de melhoria dos resultados como um todo. Portanto, fica evidente, que a utilidade do diagnóstico não é específica de empresas em situação difícil, muito pelo contrário, serve o mesmo para evitar que a crise se instale pela perpetuação dos problemas. Pode-se dizer que é um verdadeiro “check-up”, conferindo uma visão global de suas fortalezas bem como suas de suas fragilidades, posto que diagnostica as mais variadas hipóteses de inadequações eventualmente existentes, apontando as alternativas para sua regularização. Desse modo, é um instrumento insubstituível para colocar em relevo toda desarmonia na hora de elaborar suas metas e o seu cronograma de trabalho.

Esse instrumento, portanto, não se limita a uma avaliação, que responda a questões pontuais. Trata-se de um procedimento que habilita a empresa a obter uma visão global, clara, simples e precisa do seu negócio. Não se adotando aqui soluções já prontas, empacotadas ou milagrosas. Enfim, se faz um estudo prévio por meio de uma abordagem direta, profunda e eficaz, adequada ao objetivo a ser alcançado.

Em virtude da competitividade crescente no mercado globalizado, a avaliação da empresa passou a ter importância crucial na busca