47º Artigo – Como Reduzir A Carga Tributária Da Sua Empresa

Como reduzir a carga tributária da sua empresa?

A atual crise econômica e financeira que vem castigando o nosso país também vem afetando diretamente as organizações públicas e privadas, exigindo medidas emergenciais de seus gestores, através de reduções de custos, sejam eles, financeiros, de pessoal e/ou tributários, para que consigam sobreviver à crise e melhorar seus lucros.

Como essa crise está contagiando diretamente quase todas as entidades (privadas ou públicas), a palavra de ordem no momento é redução de custos. E para que essa redução de custos se torne viável deve-se recorrer ao um bom planejamento tributário. Entretanto alguns empresários não têm o hábito de considerar no planejamento tributário alguns importantes valores como encargos trabalhistas, taxas e outras obrigatoriedades, fato que pode influenciar decisivamente o resultado da análise.

banner central dos post do blog

Portanto, se qualquer organização deseja de fato resistir à crise, é crucial que gerencie de forma adequada os seus tributos, para que consiga melhorar a lucratividade do seu negócio. Contudo, a alta carga tributária imposta, e a informalidade, por vezes, determinam o fechamento de inúmeras empresas no Brasil.

Mas, em contrapartida, podemos recomendar algumas formas para tentarmos reduzir a carga tributária, como por exemplo:

Recuperação tributária

O sistema tributário brasileiro é bastante heterogêneo e muitas vezes ocorrem cobranças de forma indevida, elevando consideravelmente à carga tributária, assim, a empresa necessita ser assessorada por um bom escritório de contabilidade que esteja atento aos créditos que a empresa tem direito.

Adequado Enquadramento no CNAE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas)

 Um dos erros que leva a empresa a ter sérios riscos fiscais é o CNAE enquadrado de forma inadequada, e o pior é que as empresas, muitas vezes, só percebem esse erro quando surgem os contratempos. Se uma empresa estiver no CNAE errado, as chances dos impostos estarem calculados de forma errada com alíquotas discrepantes, são altíssimas, e em caso de averiguação desse fato em uma fiscalização, o resultado poderá envolver pesadas sanções.

Planejamento tributário

Os tipos básicos de tributação são: Lucro Presumido, Lucro Real e Simples Nacional. Agora, a opção pelo tipo de tributação que a empresa utilizará no ano fiscal deve ser feita até o início do ano seguinte. Entretanto, as análises e projeções necessitam ser realizadas com uma prévia antecedência para que se tenha certeza da melhor opção, reduzindo assim à probabilidade de erros no planejamento tributário.

Para saber mais sobre recuperação tributária, adequado enquadramento do CNAE e planejamento tributário para sua empresa, entre em contato com a Plane (www.plane.com.br), através do telefone (21) 3553-8190, e solicite uma reunião.

Faça sua pergunta ou deixe o seu comentário aqui abaixo.
Respondemos bem rápido!

4314 Total Views 3 Views Hoje